26Setembro2017

Informes Notícias 22/01/2016 Trabalhadores extrativos elegem diretoria e discutem rumos da Ftiemg

22/01/2016 Trabalhadores extrativos elegem diretoria e discutem rumos da Ftiemg

  • PDF

altPela oitava vez, José Maria Soares é eleito presidente da Federação dos Trabalhadores das Indústrias Extrativas do Estado de Minas Gerais (Ftiemg). A eleição ocorreu no segundo dia do VIII Congresso dos Trabalhadores Extrativos do Estado de Minas Gerais, realizado nos dias 20 e 21 de janeiro, no Sesc Venda Nova, na capital mineira.

"Essa é a prova de que o trabalho que estamos fazendo está no caminho certo", afirmou o sindicalista, ao agradecer a confiança depositada na nova diretoria, que assumiu um mandato de quatro anos. Ele destacou que continuará empenhado na defesa dos interesses dos trabalhadores extrativos, discutidos ao longo do Congresso.

Os Departamentos Mineral e Vegetal, que compõem a Ftiemg, definiram nove linhas de ação, que irão nortear o trabalho da entidade neste novo mandato. Algumas já vêm sendo desenvolvidas, como a luta contra o Projeto de Lei que amplia a terceirização e a defesa dos trabalhadores dentro do novo Marco da Mineração, em análise no Congresso Nacional.

Outras surgiram em decorrência da realidade vivenciada no país, como a que estabelece a atuação firme contra o uso de barragens de rejeito na mineração - que se revelaram um perigo iminente para toda a comunidade, como infelizmente ficou demonstrado com o rompimento da barragem da Samarco, em Mariana.

ABERTURA -  O atual momento econômico e político brasileiro mereceu destaque durante a abertura do VIII Congresso. O

altpresidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria (CNTI), José Calixto Ramos (foto), solicitou a superação das diferenças no interior do movimento sindical. "É um momento crucial. Não é a primeira crise que enfrentamos e precisamos nos dar as mãos para enfrentar os desafios que atingem a classe trabalhadora", ressaltou.


A fala de Jacy Afonso de Melo foi no mesmo sentido, ao abordar a atual conjuntura. O diretor da Federação dos Bancários da Região Centro Oeste e Norte e vice-presidente do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP) reforçou a necessidade de reflexão por parte do movimento sindical, que estaria sofrendo de um momento de "osteoporose ", de fragmentação. "Precisamos promover a renovação dos sindicatos. Precisamos trazer os jovens e as mulheres para o movimento", destacou.

 Apesar das dificuldades, Jacy ressaltou duas grandes conquistas para o trabalhador brasileiro: a política de valorização do salário mínimo, promovida pelo governo federal nos últimos 13 anos e que garantiu um ganho de 80% no seu poder de compra, e a proibição do financiamento de campanhas eleitorais por empresas, melhorando as condições de pessoas ligadas às questões sociais de competir com os candidatos dos empresários.

Os atingidos pelo rompimento da barragem da Samarco em Mariana foram lembrados pelo presidente da Federação Extrativa, José Maria Soares, que pediu um minuto de silêncio. Ele lembrou também os projetos de lei que ameaçam a classe trabalhadora, como a ampliação da terceirização e o novo Marco Regulatório da Mineração. "A Ftiemg vai continuar lutando contra os projetos que prejudicam os trabalhadores. Mas, precisamos lembrar disso no momento da eleição, que é quando escolhemos os políticos que vão decidir os rumos do país, influenciando a vida de nós. Não podemos esquecer que são os políticos que fazem as leis", frisou.

O VIII Congresso da Federação contou com o apoio da CNTI e foi coordenado pelo presidente do Conselho Deliberativo da Ftiemg, Rosival Ferreira Araújo.

Confira a chapa única que foi eleita

DIRETORIA
Presidente: José Maria Soares
1º Vice-Presidente: Washington Aparecido de Oliveira
2º Vice-Presidente: Jacinto Roque Santos
Secretário: Antônio Francisco Marques
1º Tesoureiro: Agostinho José de Sales
2º Tesoureiro: Antônio Carlos da Silva
Diretor de Relações Sindicais: Marcelino Antônio Edwirges
Diretor de Comunicação: Terezino Cordeiro de Azevedo
Diretor de Relações Sindicais: Cloves Prates Macedo
Diretor de Saúde, Segurança e Previdência Social: Waldir dos Reis Batista Viegas

SUPLENTES
José Alberto Miguel, José Carlos Dias de Souza, Carlos Estevam Gonzaga, Erlando Rodrigues da Silva, Sudário Gomes de Medeiro, Roliston Teds Pereira, Oséias Sales Barbosa, Naelison Gomes Alves, Messias Soares Leite, Flávio Henrique Serafim

CONSELHO FISCAL
EFETIVO: Paulo Silvestre de Sales, Antônio Pinheiro da Rocha e Juvenal Aparecido Ventura
SUPLENTES: José Afonso da Costa e Serafim Santana da Silva
DELEGADO JUNTO À CNTI
EFETIVO: José Maria Soares
SUPLENTE: Neftaly Gonçalves da Silva
 
PROPOSTAS DE ATUAÇÃO DA FTIEMG
1) Atuação contra as barragens de rejeitos de mineração;
2) Manutenção da ação firme contra a terceirização;
3) Retomada do projeto de formação sindical de base;
4) Manutenção da atuação junto ao Novo Marco Regulatório da Mineração;
5) Promoção de cursos específicos na área de comunicação, principalmente de mídias sociais;
6) Promoção de debates acerca dos problemas causados pelo excesso de reflorestamento (monocultura) em uma região e seus impactos ambientais;
7) Manutenção do trabalho em defesa da saúde e segurança no trabalho;
8) Promoção de políticas voltadas para jornada de trabalho;
9) Promoção de ações voltadas para os familiares dos dirigentes sindicais.