24Abril2017

Informes Notícias 16/12/2015 ArcelorMittal: mais uma rodada de negociação sem avanços

16/12/2015 ArcelorMittal: mais uma rodada de negociação sem avanços

  • PDF

Mantendo a mesma estratégia de oferecer propostas inaceitáveis, a ArcelorMittal Bioflorestas torna difícil o avanço das negociações relativas ao Acordo Coletivo de Trabalho 2015/2016. Pela quarta vez, representantes da Ftiemg, Sindex-MG e dos Sindicatos Extrativos de Bom Despacho, Carbonita, Dionísio e Santa Bárbara se reuniram, ontem (15), na capital mineira, com a empresa na busca pelo diálogo. Novamente, as propostas não avançaram e até a alteração da data-base para maio de 2017 foi sugerida, numa total falta de respeito com os trabalhadores.

Num esforço para chegar a um consenso, as entidades sindicais apresentaram mais uma contraproposta: reajuste geral de 10,33% (INPC); piso salarial de R$ 1.006 e abono de R$ 1 mil para todos os trabalhadores, com pagamento tão logo o Acordo seja assinado. As entidades aguardam um retorno positivo, na expectativa que a empresa cumpra com seu papel perante a seus funcionários.